Mundo

Vídeo: Gata recebe prémio por salvar vida de menino

Tara tornou-se, em 2014, uma heroína internacional depois de ter salvo um menino de cinco anos do ataque de um cão. Agora, a gata acaba de ser distinguida com um troféu pela sua bravura.
Versão para impressão
Tara tornou-se, em 2014, uma heroína internacional depois de ter salvo um menino de cinco anos do ataque de um cão. Agora, a gata acaba de ser distinguida com o “National Hero Dog Award”, prémio atribuído por uma associação de proteção dos animais com o objetivo de distinguir os cães mais corajosos e que, este ano, foi pela primeira vez, entregue a uma felina.
 
A gata, de sete anos, que vive com a famíia Triantafilo em Bakersfield, na Califórnia (EUA), chegou às capas dos jornais depois de, o ano passado, ter salvo a vida do pequeno Jeremy, que brincava com jardim de sua casa quando, inesperadamente, um cão o atirou ao chão, arrastando-o a si e à sua bicicleta.
 
O momento foi captado por uma câmara de vigilância instalada ali perto e o pai do menino, Roger Triantafilo, acabou por publicá-lo no Youtube, onde as imagens somaram mais de 24 milhões de visualizações e outros tantos comentários.
 
Graças à intervenção da gata, Jeremy sofreu apenas ferimentos ligeiros e recuperou totalmente do incidente. A coragem valeu, agora, a Tara um galardão entregue, anualmente, pela Society for the Prevention of Cruelty to Animals – Los Angeles (spca-LA), associação de proteção dos animais que lhe ofereceu, também, comida de gato suficiente para um ano de alimentação.


A coragem de Tara salvou a vida do pequeno Jeremy (ao colo do pai), na altura com cinco anos, atacado por um cão quando brincava no jardim © spca-LA/Tara Hero Cat
 

“Ficámos muito impressionados com a bravura e a ação rápida da Tara, pelo que o nosso comité de seleção achou que uma gata tão espetacular merecia receber o prémio 'National Hero Dog'”, afirma, em comunicado, a presidente da spca-LA, Madeline Bernstein.
 
Bernstein elogia, também, a educação e carinho dados à felina pela família. “Uma gata que tivesse sido maltratada, esquecida ou negligenciada pela família não teria, provavelmente, tendência a comportar-se de forma tão altruísta e heróica para salvar o seu companheiro”, finaliza.

Clique AQUI para saber mais sobre Tara e a família (em inglês).

Veja abaixo o vídeo do momento em que a gata sai em defesa de Jeremy.

Comentários

comentários

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close