Turismo

Turismo: Lisboa assina acordo pioneiro com Airbnb

A Câmara Municipal de Lisboa e a Airbnb assinaram esta sexta-feira um acordo de cooperação inédito para facilitar o sistema de coleta da taxa turística aos proprietários de alojamento local e promover uma atuação mais transparente do sector.
Versão para impressão
A Câmara Municipal de Lisboa e a Airbnb assinaram esta sexta-feira um acordo de cooperação inédito para facilitar o sistema de coleta da taxa turística aos proprietários de alojamento local e promover uma atuação mais transparente do sector. 
 
A partir de 1 de Maio, a plataforma de alojamento turístico começará a coletar e enviar, em nome dos seus operadores de turismo local (anfitriões), a taxa turística devida pelos visitantes. A verba será acrescentada ao total pago pelos visitantes em todas as estadias na cidade e remetida à autarquia trimestralmente.

O novo processo é totalmente automático e integrado na plataforma Airbnb, facilitando que a Câmara Municipal de Lisboa receba esta importante fonte de receita e poupando aos anfitriões a tarefa de proceder ao pagamento de cada estadia.

 
A Airbnb e a Câmara Municipal de Lisboa vão ainda trabalhar em conjunto para promover uma atuação mais responsável no alojamento local/home sharing, construindo uma comunidade aberta e transparente no sector e ajudando a promover o desenvolvimento sustentável do turismo em harmonia com outras áreas que ajudem a fazer de Lisboa um local melhor para viver, trabalhar e viajar.  
 
“A taxa turística vai reverter para o Fundo de Desenvolvimento Turístico, que tem como objetivo promover de forma sustentável o sector do turismo, nesta e noutras vertentes, harmonizando-o com outras áreas estratégicas de crescimento da cidade, que melhorem a vida das pessoas que a habitam e visitam”, explica João Paulo Saraiva, Vereador dos Recursos Humanos e Finanças, numa nota de imprensa enviada ao Boas Notícias.
 
“O novo processo que agora começa é automático e simples para todos. A Airbnb está grata pela oportunidade de trabalhar com a Câmara Municipal de Lisboa e apoiar os anfitriões da Airbnb com estas novas medidas, que são um exemplo para o mundo”, disse, por seu lado, Arnaldo Muñoz, gestor dos serviços de Marketing da Airbnb em Portugal. Lisboa torna-se assim, a par de Paris e Amesterdão, pioneira nesta solução automática.

Taxa foi implementada a 01 de Janeiro deste ano
 
A taxa turística de Lisboa foi implementada a 1 de Janeiro de 2016. A verba reunida reverterá para o Fundo de Desenvolvimento Turístico de Lisboa, de forma a promover o sector dentro de uma estratégia de crescimento sustentável da cidade.
 
Fundada em Agosto de 2008, e sediada em São Francisco, Califórnia, a Airbnb é um mercado global comunitário no sector, onde os interessados podem anunciar, encontrar e reservar alojamento em todo o mundo. A Airbnb põe em contacto pessoas através da experiência da viagem, em mais de 34.000 cidades de 190 países.

Comentários

comentários

Etiquetas

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close