Cultura

“Tabu” eleito Melhor Filme Estrangeiro no Brasil

É português o melhor filme estrangeiro exibido no Brasil em 2013. Tabu, do realizador Miguel Gomes, foi distinguido pela Associação Brasileira de Críticos, esta quinta-feira, numa competição onde concorriam 398 longas-metragens brasileiras e estrange
Versão para impressão
É português o melhor filme estrangeiro exibido no Brasil em 2013. Tabu, do realizador Miguel Gomes, foi distinguido pela Associação Brasileira de Críticos, esta quinta-feira, numa competição onde concorriam 398 longas-metragens brasileiras e estrangeiras.
 
Na página da associação é explicado que a eleição é realizada em duas voltas, pois “é precedida de amplo debate via internet, onde todos os seus membros, de todo o Brasil, têm a oportunidade de defender as suas preferências e pontos de vista críticos”.
 
“Tabu” estreou-se a 28 de Junho do ano passado, no Brasil, e tinha sido já vencedor do melhor filme do ano no país, pela Liga brasileira dos Blogues Cinematográficos. Miguel Gomes, junta-se assim ao norte-americano Terrence Malick e ao iraniano Asghar Farhadi, realizadores distinguidos em anos anteriores.
 

A Abraccine, fundada em Julho de 2011, reúne mais de uma centena de associados, em todos os Estados brasileiros.

 
O filme português, uma coprodução entre Portugal, França, Alemanha e Brasil, foi rodado a preto e branco e conta a história de um romance passado entre a atualidade, em Portugal, e o passado, numa África colonial.
 
Depois da estreia no Brasil, o jornal Folha de São Paulo, escreveu que “na trama, um casal luta contra tudo e todos pelo seu amor, numa África recriada a partir de um alienado imaginário forjado pelo cinema hollywoodiano”.
 
O filme de Miguel Gomes tem sido muito premiado. Foi eleito pela imprensa francesa e pelas revistas especializadas Cahiers du Cinema (França), Sight & Sound (Reino Unido) e também pela norte-americana New Yorker, como um dos dez melhores filmes de 2012.
 
Em França, Tabu teve mais de cem mil espetadores e foi finalista do Prémio LUX de Cinema Europeu, atribuído pelo Parlamento Europeu. Para além disso, ganhou ainda prémios nos festivais de Las Palmas, em Espanha, Avvantua, na Croácia, e de Ghent, na Bélgica.

Comentários

comentários

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close