Negócios e Empreendorismo

Portuguesa cria linha de acessórios feitos de cortiça

Surgiu de uma procura da inovação e da diferenciação no mercado dos acessórios de moda, utilizando, para isso, uma matéria-prima "nobre e exclusivamente portuguesa": a cortiça. A marca Mãos de Cortiça tem feito sucesso.
Versão para impressão
Surgiu de uma procura da inovação e da diferenciação no mercado dos acessórios de moda, utilizando, para isso, uma matéria-prima “nobre e exclusivamente portuguesa”: a cortiça. A marca Mãos de Cortiça, criada por Paula Guimarães, nasceu em 2012 mas tem feito sucesso e já chegou, até, a Londres, capital inglesa. Os próximos destinos são Holanda, Luxemburgo e Suíça.
 
por Catarina Ferreira
 
“A escolha da matéria-prima só poderia recair sobre a cortiça”, conta Paula, de 42 anos, natural da Maia, em entrevista ao Boas Notícias. “É um produto 100% natural, renovável, biodegradável, português e que inspira quem o trabalha”, justifica a mentora desta marca, que tem como prioridade a preocupação com o meio ambiente e a sua conjugação com um produto tipicamente lusitano.
 
As peças criadas por esta empreendedora, que deixou de lado a formação em Ciências da Comunicação para se dedicar, exclusivamente, ao seu próprio negócio, vão desde anéis a colares, passando por pulseiras, brincos e até bandeletes e carteiras. A imaginação é o limite e o objetivo de Paula é que estes sejam produtos acessíveis a todo o público, pelo que os preços variam entre os 6 e os 16 euros.
 
Além da cortiça, esta “artesã” recorre a outros materiais, nomeadamente a prata, o metal, o vidro, as pedras naturais e semi-preciosas, e “as criações podem ser personalizadas de acordo com o gosto de cada cliente”, realça a responsável, que sublinha o facto de as peças não causarem alergia já que a cortiça “é um material que não absorve poeiras”. 

Aposta na exportação para a Europa
 

“Até agora, a reação do público tem sido excelente, superando imenso as minhas expetativas”, confessa Paula ao Boas Notícias. Em apenas cerca de um ano, a página oficial da Mãos de Cortiça no Facebook já tem mais de 1.200 seguidores, já está representada em Inglaterra e e a exportação das peças, únicas e feitas artesanalmente, para outros pontos da Europa, já está no horizonte.
 
“Neste momento, estamos representados em Inglaterra, nomeadamente em Londres, mas temos perspetivas de irmos também para a Holanda, Luxemburgo e Suíça”, desvenda, lembrando que, para já, as peças podem ser adquiridas em lojas de revenda, sobretudo no Norte do país, em Alfândega da Fé, Maia, Porto, Vila Real, Aveiro e Esposende, mas também em Lisboa.
 
Os interessados podem ainda adquirir a bijuteria da Mãos de Cortiça diretamente através da página no Facebook da marca, clicando AQUI, ou “nas feiras de artesanato, medievais e comerciais por onde os produtos vão sendo expostos”, conclui Paula.

Comentários

comentários

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close