Ciência

Português premiado por ajudar ao bem-estar animal

Nuno Henrique Franco, investigador do Instituto de Biologia Molecular e Celular, recebeu o prémio internacional de Jovem Investigador da Universities Federation for Animal Welfare pelo seu trabalho de doutoramento dedicado ao bem-estar animal.
Versão para impressão
Nuno Henrique Franco, investigador do Instituto de Biologia Molecular e Celular (IBMC) da Universidade do Porto, recebeu o prémio internacional de Jovem Investigador da Universities Federation for Animal Welfare pelo seu trabalho de doutoramento dedicado ao bem-estar animal, avançou a agência Lusa.
 
O trabalho premiado baseou-se na identificação dos principais pontos onde é necessário refinar o uso de animais em investigação biomédica, propondo a utilização de biomarcadores, para evitar a dor ou desconforto dos animais utilizados na investigação de doenças infecciosas.
 
O autor esclareceu que fazer “uma abordagem de base científica para definir quando terminar um dado estudo com animais, pode não só prevenir sofrimento desnecessário e evitável nos animais, como contribuir para a otimização de recursos financeiros e humanos, promovendo o retorno científico e acelerando o processo científico”.
 
O prémio internacional, de 1.000 libras (cerca de 1.100 euros), entregue em Barcelona, distingue alunos de doutoramento, ou doutorados há menos de seis anos, que tenham dado contributos significativos para o bem-estar animal.

Notícia sugerida por Elsa Fonseca

 

Comentários

comentários

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close