Sociedade

Português nas finais distritais de orquestra no Japão

Um português ajudou a sua orquestra a apurar-se para a final distrital de um concurso de orquestras de sopro, em Tóquio, no Japão. André Moreira, de 22 anos, é saxofonista e levou a Itabashi Wind Orchestra à próxima fase desta prestigiada competição.
Versão para impressão
Um português ajudou a sua orquestra a apurar-se para a final distrital de um concurso de orquestras de sopro, em Tóquio, no Japão. André Moreira, de 22 anos, é saxofonista e levou a Itabashi Wind Orchestra à próxima fase desta prestigiada competição.
 
Em Tóquio a estudar computação gráfica, André divide o tempo entre os estudos e a música. A sua prestação no passado dia 3 de Agosto, em pleno Nishiarai Cultural Hall, no Japão, permitiu à Itabashi Wind Orchestra chegar ao terceiro lugar do pódio entre um total de 43 grupos participantes.
 
O português contribuiu, assim, para a passagem do seu grupo para a próxima fase do concurso, onde será eleita a melhor orquestra de sopro da capital do Japão. O objetivo do jovem é, agora, chegar à fase final, que terá lugar em Fukuoka, na ilha de Kyushu, e que determinará a orquestra vencedora a nível nacional.
 
Em comunicado, a Embaixada de Portugal em Tóquio dá os parabéns a André Moreira pela notável prestação junto da orquestra japonesa que representa e que vai agora competir pelo título de melhor orquestra de sopro da capital do Japão.

Notícia sugerida por Maria Manuela Mendes

Comentários

comentários

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close