Ambiente

Português cria pinos urbanos feitos de pneu reciclados

Em breve, os pinos urbanos que delimitam a circulação dos automóveis poderão ser feitos de granulado de pneus velhos. A inovação foi desenvolvida por um investigador do Politécnico de Leiria (IPLeiria) e já mereceu um prémio.
Versão para impressão
Em breve, os pinos urbanos que delimitam a circulação dos automóveis poderão ser feitos de granulado de pneus velhos. A inovação foi desenvolvida por um investigador do Politécnico de Leiria (IPLeiria) e já mereceu um prémio.
 
A nova peça criada por Paulo Campos, do Centro para o Desenvolvimento Rápido e Sustentado do Produto (CDRsp) do IPLeiria, alia a utilização da borracha reciclada a produtos para o espaço urbano, de forma a fazer uso das suas propriedades vantajosas deste material e promover uma maior responsabilidade ambiental.
 
A resistência da borracha do pneu à degradação atmosférica possibilitou a criação de um pino de sinalização, frequentemente utilizado nos passeios, feito de granulado de pneus velhos. 

O objeto é composto por elementos modulares que possibilitam o ajuste em altura, em conformidade com o espaço onde se insere, e apresenta um baixo custo de produção. Entre os módulos do pino, na zona de encaixe, foi concebido um componente em plástico luminescente, em forma de argola, que proporciona a visibilidade do pino em período noturno.

A invenção, batizada “Pino Urbano Modular”, venceu o Prémio Valorpneu de Inovação 2014, atribuído em Dezembro do ano passado. 

O CDRsp tem desenvolvido, desde 2010, em parceria com a empresa Plastimago, o conceito TYRE +, que consiste na produção de peças a partir de materiais recicláveis, nomeadamente pneu e plástico, com elevada qualidade e desempenhos funcional e técnico. 

Na sexta edição dos galardões da Valorpneu, os participantes foram desafiados a apresentar soluções inovadoras para a gestão e destino sustentável dos pneus em fim de vida. 

O Centro Cultural de Belém, em Lisboa, acolheu a cerimónia de entrega dos prémios de inovação, que este ano recebeu mais de uma dezena de projetos nacionais e internacionais, nomeadamente do Brasil e de Moçambique. 
 

Comentários

comentários

Etiquetas

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close