Saúde

Portugal tem 317 desfibrilhadores em espaços públicos

Já vai em 317 o número de Desfibrilhadores Automáticos Externos (DAE), licenciados pelo Instituto Nacional de Emergência Médica, que se encontram em locais públicos do país como aeroportos, bancos, casinos, centros comerciais, hipermercados e hotéis.
Versão para impressão

Já vai em 317 o número de Desfibrilhadores Automáticos Externos (DAE), licenciados pelo Instituto Nacional de Emergência Médica, que se encontram em locais públicos do país como aeroportos, bancos, casinos, centros comerciais, hipermercados e hotéis.

Esta cobertura resulta da promoção que o INEM tem vindo a fazer, desde 2010, para as diversas entidades aderirem ao programa DAE.

“Este projeto tem verificado um franco desenvolvimento, fruto também do empenho e preocupação de empresas e instituições que, com elevada responsabilidade social, consideram que o acesso aos DAE poderá ser uma importante mais-valia no reforço da cadeia de sobrevivência no nosso país”, afirmou o IMEM, em comunicado.

Segundo o INEM, a experiência internacional demonstra que, em ambiente extra-hospitalar, a utilização de desfibrilhadores por pessoal não médico aumenta significativamente a probabilidade de sobrevivência das vítimas de paragem cardíaca.

O DAE é um dispositivo portátil que permite, através de elétrodos adesivos colocados no tórax, analisar o ritmo cardíaco e recomendar ou não um choque elétrico.

Comentários

comentários

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close