Mundo

Polícia portuguesa resgata bebé de 2 meses no Mar Egeu

A equipa da Polícia Marítima (PM), que se encontra na Ilha grega de Lesbos desde o dia 01 de outubro, resgatou este domingo, 38 emigrantes e refugiados, de um bote à deriva e no qual seguia um bebé com apenas dois meses.
Versão para impressão
A equipa da Polícia Marítima (PM), que se encontra na Ilha grega de Lesbos desde o dia 01 de outubro, resgatou este domingo, 38 emigrantes e refugiados, de um bote à deriva e no qual seguia um bebé com apenas dois meses.
 
O bebé era um dos passageiros de um bote com 38 refugiados que foi encontrado pelas equipas da missão europeia Poseidon Sea. Segundo revela a PM num comunicado, a bordo seguiam várias crianças e mais três bebés, além de duas mulheres grávidas. 

O bote estava à deriva há algumas horas devido a uma avaria no motor. A equipa da PM "deslocou-se imediatamente para junto do bote e decidiu resgatar, o mais rapidamente possível e em segurança, todas as pessoas para o interior da embarcação ARADE. Os emigrantes estavam muito nervosos e ansiosos. Estava muito vento e o mar estava muito agitado, o que dificultou a ação de resgate", revela a Polícia Marítima em comunicado.

 
No total foram resgatados 38 emigrantes e refugiados, dos quais quatro bebés e crianças, oito mulheres e 26 homens. Os refugiados vieram do Afeganistão, Eritreia, Etiópia, Iraque, Paquistão e Síria, sendo que o grupo contava com várias pessoas idosas e duas mulheres grávidas.
 

O bote onde seguiam, bem como todos os seus pertences, foi rebocado pela embarcação da Organização Não Governamental (ONG) presente no local.


Portugal já salvou a vida a mais de 3 mil refugiados

À chegada ao porto de Skala Sikaminea, onde todos desembarcaram em segurança, já se encontravam elementos da Guarda-costeira grega, da agência FRONTEX e de ONG que ajudaram no desembarque de emigrantes e refugiados.


A PM já resgatou, em segurança e transportou para terra, 3.532 refugiados e emigrantes que corriam risco de vida, dos quais 868 bebés e crianças e 766 mulheres, e deteve cinco facilitadores.

A equipa destaca na Grécia é composta por 11 Agentes da PM, 1 Técnico para o apoio e a manutenção das embarcações e 1 Técnico para a manutenção da componente elétrica e eletrónica da Viatura de Vigilância Costeira.

Notícia sugerida por Maria Pandina

Comentários

comentários

Etiquetas

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close