Cultura

Pianista portuguesa apresenta-se no Carnegie Hall

A mítica sala de espetáculos nova-iorquina vai contar, esta sexta-feira, com a atuação da pianista lusa Maria João Pires, acompanhada pela Orquestra de Filadélfia.
Versão para impressão
A mítica sala de espetáculos nova-iorquina vai contar, esta sexta-feira, com a atuação da pianista lusa Maria João Pires, acompanhada pela Orquestra de Filadélfia. Em substituição do músico italiano Maurizio Pollini, ausente por motivos de saúde, a artista tem, esta noite, a oportunidade de subir ao palco do auditório Isaac Stern.
 
Usufruindo do apoio da orquestra norte-americana, que apela à crítica internacional para apresentar a portuguesa como “uma das mais celebradas e amadas pianistas a nível mundial”, Maria João interpretará o 2º Concerto para piano e orquestra de Frédéric Chopin.
 
A pianista começou a destacar-se nos anos 70 e celebrizou-se pela interpretação de Mozart e de vários compositores do Romantismo, nomeadamente Franz Schubert.

O seu percurso ascendente é, agora, marcado pelo acompanhamento por uma das cinco maiores orquestras norte-americanas, a par das de Nova Iorque, Chicago, Boston e Cleveland, que apresenta, entre diretores artísticos e musicais, nomes como Leopold Stokowski, Eugene Ormandy, Riccardo Muti e Christoph Eschenbach.

 
Previsto para as 20.00h locais, 1.00h de sábado em Portugal, o concerto irá decorrer no maior espaço do Carnegie Hall, com lotação para mais de 28 mil pessoas.

Comentários

comentários

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close