Saúde

Pacemaker mais pequeno do mundo implantado em Coimbra

O implante marca uma nova era no tratamento das arritmias cardíacas porque, ao contrário do pacemaker normal, o novo dispositivo de 2,5 cm é colocado diretamente no coração.
Versão para impressão
A operação foi realizada, este mês, pelos médicos Luís Elvas e José Nascimento no Centro Hospitalar e Universitário de Coimbra (CHUC). Este implante marca uma nova era no tratamento das arritmias cardíacas uma vez que, ao contrário do pacemaker convencional, o novo dispositivo é colocado diretamente no coração.

Com apenas 2,5 centímetros, o novo equipamento tem apenas um décimo do tamanho de um pacemaker convencional e pode ser colocado sem o uso de elétrodos, que são os principais responsáveis pelas complicações a longo prazo, explica a equipa do CHUC em comunicado de imprensa.

 
Apesar do seu tamanho reduzido, a bateria do aparelho dura, em média, dez anos. O novo pacemaker responde aos níveis de atividade dos doentes, ajustando-se automaticamente a cada pessoa.

Os portadores deste pacemaker têm acesso a meios de diagnóstico mais avançados, visto que o aparelho é compatível com ressonância magnética.

 
A colocação de um pacemaker é o método mais utilizado para o tratamento da bradicardia, uma perturbação do ritmo cardíaco caraterizada por um batimento lento. Estima-se que existam mais de um milhão de pessoas com pacemakers em todo o mundo.

Notícia sugerida por Elsa Martins

Comentários

comentários

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close