Sociedade

New York Times destaca exposição de fotógrafo luso

O jornal The New York Times entrevistou o fotógrafo João Silva e publicou um artigo com destaque para a exposição dos primeiros 20 anos de trabalho deste português. A mesma vai estar patente durante esta semana no Visa Pour L'Image Festival.
Versão para impressão
O jornal The New York Times entrevistou o fotógrafo João Silva e publicou um artigo com destaque para a exposição dos primeiros 20 anos de trabalho deste português. A mostra está patente, durante esta semana, no Visa Pour L'Image Festival, em Perpignan, França.
 
A exposição exibe os trabalhos do fotógrafo português entre os anos de 1990 e 2010 e ilustra o seu percurso profissional, que inclui a perda das duas pernas numa mina de bombas, em 2010, no Afeganistão. 
 
“Passei meses e meses, enquanto recuperava de cirurgias, a olhar para os meus negativos e a ver todo o meu trabalho. É toda uma outra perspetiva, porque, obviamente, uma pessoa muda muito nos últimos anos”, conta o fotógrafo ao jornalista James Estrin.
 
Com residência na África do Sul, João Silva é fotógrafo correspondente do The New York Times e responsável, por exemplo, pelo registo em imagens dos tumultos que ocorreram em Zamdela, em Janeiro, e do aniversário do massacre dos mineiros de Marikana, em Agosto.
 
“Quando olhei para trás, a única obra que realmente se destacou foi a que fiz na África do Sul, obviamente, no Iraque e no Afeganistão. Ironias à parte, estes foram os três países que me moldaram enquanto ser humano. E, por isso mesmo, foi um processo de redescoberta muito interessante”, conta o português.
 
O fotógrafo confessa que ficou surpreendido ao dar conta que regista mais pessoas mortas do que vivas – “rostos de pessoas que eu não faço ideia de quem sejam” – e que tem sido “revelador e muito interessante” esta nova fase da sua carreira, onde “todos os dias descobre os seus limites”, a mobilidade de que dispõe, até onde ponde ir, o que é que pode fazer.
 
O convite para integrar o Visa Pour L'Image Festival foi feito pelo próprio diretor da organização, Jean-François Leroy, que este ano celebra 25 anos à frente do evento. 

Clique AQUI para ler a entrevista completa, em inglês, do The New York Times a este fotógrafo português.

Notícia sugerida por Maria da Luz

Comentários

comentários

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close