Negócios e Empreendorismo

Movimento prevê criação de 5.000 estágios profissionais

O Movimento para o Emprego quer gerar 5.000 novos estágios profissionais para jovens licenciados, mestres e doutorados, até 2014. O objetivo é combater o desemprego jovem.
Versão para impressão
O Movimento para o Emprego quer combater o desemprego jovem e, para isso, prevê a criação de 5.000 novos estágios profissionais para jovens licenciados, mestres e doutorados. A iniciativa pretende cumprir este objetivo até 2014, sendo que para já conta com o apoio de 102 empresas e 3.200 propostas de estágio.

Os jovens desempregados que se candidatarem a este programa vão realizar um estágio profissional de um ano, com uma remuneração mensal no valor de 800 euros.

O programa do Movimento para o Emprego está destinado a pessoas com licenciatura, mestrado ou doutoramento, com idades inferiores ou iguais a 30 anos, e sem experiência profissional.

Os candidatos devem estar registados como desempregados no IEFP, formalidade que, segundo o comunicado no site oficial do Governo de Portugal, “pode ser realizada automaticamente no primeiro dia do estágio”.

O Movimento para o Emprego resulta de uma parceria entre a Fundação Calouste Gulbenkian, a Associação Empresarial para a Inovação (Cotec) e o Instituto para o Emprego e para a Formação Profissional (IEFP).


Em comunicado, o governo português adianta que “também o Impulso Jovem está a ser reformulado”. As alterações serão feitas ao nível dos estágios profissionais e do sistema de aprendizagem dual, de forma a “tornar o programa mais eficaz”.

Notícia sugerida por Vítor Fernandes e Ana Oliveira

Comentários

comentários

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close