Sociedade

Jovem portuguesa dirige centro em Universidade de Boston

Uma jovem portuguesa foi convidada para dirigir o Centro de Língua Portuguesa Camões, Universidade de Massachusetts, em Boston, nos EUA. A ex-aluna da Universidade do Minho diz estar a viver o "sonho americano", depois de vários anos de luta para dei
Versão para impressão
Uma jovem portuguesa foi convidada para dirigir o Centro de Língua Portuguesa Camões, Universidade de Massachusetts, em Boston, nos EUA. A ex-aluna da Universidade do Minho diz estar a viver o “sonho americano”, depois de vários anos de luta para deixar “uma marca portuguesa no Mundo”.
 
Depois da licenciatura em Português e Inglês e do mestrado em Português Língua Não Materna, a portuguesa de 33 anos foi assistente de línguas em Rennes, França, no âmbito do programa Sócrates-Comenius.

No regresso a Portugal, deu explicações, lecionou inglês no 1º ciclo de escolaridade, foi docente em Valongo e Albufeira e, por fim, convidada para dar aulas de Português a estrangeiros na Universidade do Minho.

 
Hoje, partilha o bairro onde vive com atores como Ben Affleck e Uma Thurman e é diretora deste centro na universidade que formou um dos fundadores do Twitter. “Quando consegui a vaga do Instituto Camões para os EUA percebi que toda a aprendizagem que fiz foi um trampolim para estar onde estou”, conta a jovem.
 
Natural de Vizela, no distrito de Braga, Maria Madureira diz ter desde sempre “uma grande paixão” pela cultura e literatura portuguesa, inglesa e americana. E por se sentir “bem e tão portuguesa nos EUA como em Portugal”, garante que voltar a Portugal, nos próximos tempos, não faz parte dos planos.
 
O Centro Camões em Boston serve um estado com mais de um milhão de lusofalantes e visa reforçar as ações para alunos de Português da Universidade de Massachusetts, docentes da rede de escolas de Português e público em geral, com ciclos de cinema e música, tertúlias, escrita criativa, prática de conversação e cursos. 
 
“É um desafio aliciante e quero muito contribuir para deixar a marca de Portugal no Mundo”, afirma a professora. “Devemos continuar com este trabalho para que o Português encontre um lugar de destaque e seja cada vez mais apetecível para as comunidades não lusófonas, como língua de comunicação e sobretudo de cultura”.

Clique AQUI para conhecer a página de Facebook do centro agora dirigido por Maria Madureira.

Comentários

comentários

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close