Mundo

Jornalista reúne percussionista sem-abrigo com Santana

É a história que está a comover o mundo neste Natal. Enquanto preparava a história de uma nova reportagem, um jornalista de São Francisco conheceu Marcus Malone, o sem-abrigo que outrora foi o percussionista da banda original de Carlos Santana. O rep
Versão para impressão
É a história que está a comover o mundo neste Natal. Enquanto preparava a história de uma nova reportagem, um jornalista de São Francisco conheceu Marcus Malone, o sem-abrigo que outrora foi o percussionista da banda original de Carlos Santana. O repórter acabou por conseguiu reunir os dois amigos, separados há várias décadas mas que agora até vão voltar a gravar juntos. 
 
Marcus 'O Magnífico' Malone, como era conhecido, vivia nas ruas de Oakland há já mais de 40 anos. Conheceu Stanley Roberts, da KRON-TV, um dia em que este ali foi para gravar mais um excerto para a peça sobre despejos ilegais.
 
Contou-lhe que, antes de ir viver para a rua, fazia parte da banda de blues de Carlos Santana. Dizia até que, a banda original do famoso guitarrista teve o seu começo na garagem da casa onde vivia com mãe, no final dos anos 60. Embora um pouco cético relativamente às afirmações do sem-abrigo, Stanley acabou por confirmar a história e, na passada sexta-feira, levou Santana para fazer uma surpresa ao velho amigo. 


“Não imaginas o medo que tenho de que estejas a ver”, disse o sem-abrigo depois de abraçar a estrela do Passeio da Fama. O guitarrista, por seu lado, respondeu: “Nós admiramos-te. É uma honra estar na tua presença”. 

Malone tocou congas na banda de Santana até 1968, altura em que foi acusado de homicídio e enviado para a prisão de San Quentin. Desde então passaram quatro décadas e meia e os dois amigos nunca mais se voltaram a encontrar. 
 
O vídeo da reunião dos dois músicos tornou-se viral desde que foi divulgado pela estação de televisão de São Francisco onde Stanley Roberts trabalha e Santanta já revelou que quer voltar a trabalhar com Marcus 'O Magnífico', garantindo que o vai tirar das ruas e voltar a entrar com ele num estúdio de gravação.

Em entrevista à CNN sobre o feliz reencontro, Carlos Santana revela o desejo que surgisse um meio de comunicação informativo que divulgasse apenas “notícias positivas e acontecimentos que dão provas da compaixão das pessoas”.

Comentários

comentários

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close