Ambiente

Inaugurada central mini-hídrica na Cova da Beira

A central mini-hídrica de produção de eletricidade do Meimão, no concelho de Penamacor, foi inaugurada esta semana. A central é uma das últimas obras do projeto de regadio da Cova da Beira que já se prolonga há cinco décadas.
Versão para impressão
A central mini-hídrica de produção de eletricidade do Meimão, no concelho de Penamacor, foi inaugurada esta semana. A central é uma das últimas obras do projeto de regadio da Cova da Beira que já se prolonga há cinco décadas.

Na cerimónia o primeiro-ministro José Sócrates procedeu ainda à consignação do último bloco do regadio, da Fatela, a construir no concelho do Fundão, e que encerrará o projeto.

O PM, de acordo com o Portal do Governo, afirmou esperar que “com a chegada da água os agricultores se associem e a dimensão da propriedade agrícola seja maior para ser mais competitiva e para que possa concorrer nos mercados internacionais”.

A associação é fundamental numa região onde a dimensão média da propriedade é de 1 hectare, o que impede que haja explorações agrícolas com uma escala rentável, como o reconhece a Associação de Regantes e o Município de Penamacor.

Com a conclusão das obras na campanha de rega de 2012 – cujo investimento global atualizado é de 320 milhões de euros – ficarão beneficiados pelo regadio 12 360 hectares de terrenos, envolvendo 1.653 agricultores de 29 freguesias dos concelhos de Sabugal, Belmonte, Covilhã, Fundão e Penamacor.

Comentários

comentários

Pub

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close