Mundo

Governo recua e mantém RTP2

Independentemente do que vier a ser decidido para o futuro da televisão pública (concessão ou privatização), o governo vai manter a RTP2 tal como está embora com orçamento reduzido.
Versão para impressão

Independentemente do que vier a ser decidido para o futuro da televisão pública (concessão ou privatização), o governo vai manter a RTP2 tal como está embora com orçamento reduzido. Segundo apurou a Antena 1, ao contrário do que tinha sido avançado pelo consultor António Borges, o futuro do segundo canal não passa pelo fecho.

Certo é que a estação terá de operar com menos dinheiro em 2013. Esta é a primeira decisão conhecida depois da entrada em funções do novo conselho de administração, presidido por Alberto da Ponte, embora careça de confirmação oficial da tutela.

Na solução que tinha sido avançada publicamente por António Borges, consultor do governo, e que foi depois considerada apenas uma das hipóteses possíveis, a RTP2 seria encerrada e a RTP1 concessionada a um privado, com o respectivo contrato de serviço público e um cheque de cerca de 140 milhões de euros do Estado ( correspondente à taxa do audiovisual que os portugueses pagam).

O Governo comprometeu-se a anunciar uma decisão sobre a privatização/concessão da RTP até ao final do primeiro trimestre do próximo ano.

Comentários

comentários

Etiquetas

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Mais recentes

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close