Gastronomia

EUA: Portugal está “a agitar o mundo dos vinhos”

Portugal está a "agitar o mundo dos vinhos". A opinião é do Global Post, portal noticioso norte-americano que dedicou um artigo à produção vínica do Douro e que sugere mesmo que a região portuguesa é, neste momento, a melhor do mundo neste setor.
Versão para impressão
Portugal está a “agitar o mundo dos vinhos”. A opinião é do Global Post, portal noticioso norte-americano que dedicou um artigo à produção vínica do Douro e que sugere mesmo que a região portuguesa é, neste momento, a melhor do mundo neste setor.
 
A peça foi publicada a propósito do “brilharete” dos vinhos portugueses na lista dos 100 melhores vinhos do ano compilada, o mês passado, pela revista especializada Wine Spectator, que, como o Boas Notícias avançou à data, colocou três produções do Douro nos lugares cimeiros.
 
“Embora o Douro seja mais famoso pelos seus vinhos do Porto – fortificados com 'brandy' e, tradicionalmente, servidos antes ou depois da refeição – os vinhos de mesa da região também estão a desencadear entusiasmo no universo vínico”, escreve o Global Post, que entrevistou vários nomes incontornáveis da produção do Vale do Douro.
 
Um deles foi, precisamente, Paul Symington, responsável pelo grupo Symington, que produziu o Porto Vintage Dow's 2011, considerado o melhor vinho do ano. “[O Douro] é famoso por produzir 'portos' extraordinários há mais de 300 anos e tem uma beleza única”, disse o produtor ao portal norte-americano.
 
Segundo Symington, “há muitos superlativos que podem ser aplicados ao Douro e muitos acreditam que é mesmo a região vinícola mais bonita do mundo”, uma opinião partilhada pelo Global Post, que a descreve como “unicamente bela”, em especial graças ao rio Douro. 
 
O site destaca que o sucesso mais recente da região na produção de vinhos de mesa está associado ao aparecimento de uma nova geração de enólogos – especialistas vínicos – oriundos da Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro, na cidade de Vila Real.
 
“[Esses enólogos] começaram a introduzir novas técnicas e novas ideias e todos começámos a aperceber-nos de que podíamos utilizar as mesmas variedades de uva para fazer vinhos do Porto históricos e, ao mesmo tempo, vinhos tintos interessantes”, explicou Symington ao Global Post. 
 
O Global Post realça ainda que, desde que 'saltou' para a primeira posição da lista da Wine Spectator, o preço do Porto Dow's Vintage 2011 duplicou nas lojas portuguesas e já ultrapassou os 200 euros por garrafa.

De acordo com o portal, “o turismo vínico está também a crescer [no Douro], com a abertura de hotéis como o The Yeatman e a Quinta do Vallado”, colocados junto às caves onde o vinho do Porto tem sido armazenado “durante séculos” a curta distância do centro histórico do Porto, “cidade que é património mundial da Humanidade”. 

Clique AQUI para aceder ao artigo completo (em inglês).

 

Notícia sugerida por Maria da Luz

Comentários

comentários

Etiquetas

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close