Cultura

Esculturas imperiais encontradas em Roma

Seis esculturas em mármore, com relevância histórica e artística, datadas do início do século III foram encontradas, esta semana, em bom estado de conservação durante as escavações arqueológicas no bairro de Anagnina, em Roma, na Itália.
Versão para impressão
[Fotografia: MiBAC]

Seis esculturas em mármore, com relevância histórica e artística, datadas do início do século III foram encontradas, esta semana, em bom estado de conservação durante as escavações arqueológicas no bairro de Anagnina, em Roma, na Itália.

“Trata-se de uma descoberta extraordinária”, afirma o sub-secretário do Ministério italiano para os Bens e Atividades Culturais, Francesco Maria Giro, citado em comunicado.

As peças históricas serão restauradas e integradas no património do Museu Nacional Romano, mais precisamente nas “Terme di Diocleziano”. A descoberta irá ajudar nos estudos sobre a época em questão.

Francesco Maria Giro adianta ainda que os bustos serão retratos de personagens da família do Imperador Settimio Severo. “Provavelmente viveu aqui um alto funcionário do império, ligada à família do imperador e que seria o proprietário das obras”, concluiu o mesmo responsável.

Comentários

comentários

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close