Inovação e Tecnologia

Computador ultra pequeno e barato já está no mercado

O computador Raspberry Pi quer revolucionar o mundo da informática -sobretudo o modo como os jovens apreendem este conceito - e combater a infoexclusão oferecendo um produto que custa apenas 38 euros (taxas de envio incluídas).
Versão para impressão
O computador Raspberry Pi quer revolucionar o mundo da informática – sobretudo o modo como os jovens lidam com os computadores e a programação – pondo à disposição de todos um produto que custa apenas 38 euros (taxas de envio incluídas). 
 
Após alguns contratempos de última hora, que atrasaram a entrega dos primeiros exemplares, o Raspberry Pi [“Raspberry” significa “framboesa” em inglês, e “pi” remete para a palavra “tarte”] começou, no início de Abril, a chegar aos seus primeiros utilizadores. 
 
À primeira vista não parece um computador. De facto, o Raspberry Pi é um pequeno circuito, do tamanho da palma da mão, que integra um processador, um espaço para um cartão SD (ou seja, o disco rígido) e ainda uma entrada USB e pode ter ou não entrada Ethernet conforme o modelo adquirido (o modelo com Ethernet é o que está neste momento a ser vendido e custa 38 euros). Terá, por isso, que ser ligado a um ecrã e a um teclado para funcionar.
 
Concebido pelo programador britânico David Braben com o apoio da Universidade de Cambridge, o Raspberry Pi recorre a um processador Arm semelhante ao que é usado nos smartphones e funciona com um sistema operativo da Linux em formato 'open source'.

Ao reduzir os seus componentes ao mínimo, o Raspberry Pi PC conseguiu chegar ao impressionante peso de apenas 45g, o peso de um telemóvel, capaz de fazer corar qualquer outro modelo da “passerelle”.

 
O computador foi posto em pré-venda, no site oficial, já em Março e em poucos dias os exemplares disponíveis ficaram esgotados. No entanto, a entrega dos primeiros modelos acabou por ser adiada, primeiro devido a um problema com o método de soldagem de um dos componentes e depois devido ao atraso na aquisição do logo de validação da UE.
 
Segundo explicam os responsáveis pelo projeto no site oficial, o principal objetivo deste PC 'low cost' é incentivar os mais novos a contactar com a programação informática desde cedo.

O sistema pode ser comprado nas distribuidoras oficiais Allied Electronics, AQUI, na Premier Farneel, AQUI ou na RS Components, AQUI. Para aceder à página oficial do Raspberry Pi, onde pode fazer download dos sistemas operativos e aplicações, clique AQUI.

[Notícia sugerida por Vítor Fernandes]

Comentários

comentários

Etiquetas

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close