Negócios e Empreendorismo

Calçado de luxo: Português cria império em Nova Iorque

Em Nova Iorque, nos EUA, Carlos Mesquita transformou uma banca de engraxador num império de reparação de sapatos que é hoje a prmeira escolha para marcas de luxo como a Chanel e estrelas como Jennifer Lopez.
Versão para impressão
Em Nova Iorque, nos EUA, Carlos Mesquita transformou uma banca de engraxador num império de reparação de sapatos que é hoje a prmeira escolha para marcas de luxo como a Chanel e estrelas como Jennifer Lopez.
 
Hoje com 63 anos, o português é dono das lojas Leather Spa onde, segundo a Time Out, os “nova-iorquinos mais ricos e exigentes” de Nova Iorque reparam e personalizam os seus sapatos e outros acessórios em pele.
 
Tudo começou em Portugal, com uma banca de engraxador na barbearia do pai. Entretanto, Carlos acabou emigrar para a França e, numa viagem a Nova Iorque, percebeu que havia uma oportunidade de negócio do outro lado do Atlântico. Fez as malas e mudou-se com a família para aquela cidade norte-americana.
 
“Quando cheguei percebi desde logo que não tinha nada para aprender. Tudo o que faziam era 80% abaixo do que fazíamos em França, pelo que pensei logo 'Tenho é de vir para cá ensinar'”, conta à Lusa.


Arriscou, investiu e lugou uma loja numa das zonas mais caras de Nova Iorque, na Rua 55, entre a 5ª e a 6ª Avenida. No entanto, o negócio não foi um sucesso imediato, até porque “os americanos não tinham o hábito de arranjar sapatos”. Segundo o empresário, “quando os estragavam, deitavam-nos fora”. 
 
Ao aperceber-se de que aqueles que compravam sapatos baratos iam continuar a fazê-lo, Carlos soube que os seus clientes iam ser os que investiam em calçado de luxo. Ainda assim, não esconde que “foi uma luta” conseguir estabelecer o negócio.
 
“Dediquei-lhe muito tempo”, explica. “Afinal de contas, não se cria um negócio, para o qual quase não havia clientes, de um dia para o outro”.

Hoje em dia, o empresário dá emprego a 73 pessoas e conta com três lojas na cidade: uma na Rua 55, um na Grande Central Station e uma terceira no hotel de luxo Plaza, junto ao Central Park. Em média, as mesmas recolhem, todos os dias, cerca de 450 pares de sapatos e outros acessórios em pele, sendo todo o trabalho feito pelos 55 funcionários que trabalham numa fábrica em Queens.


Além disso, Carlos tem ainda uma gama de produtos Leather Spa – com atacadores, ceras, palmilhas e cremes – e propostas para criar um franchise, que chegam de outras cidades norte-americanas, do Qatar, do Dubai e da Argentina.
 
Nos últimos anos, o reconhecimento tem vindo a crescer e, com ele, o trabalho com Jennifer Lopez, entre outras estrelas, com quem personaliza os seus sapatos para concertos, videoclips e filmes. Quando os clientes de lojas de luxo como Manolo Blahnik ou Christian Louboutin querem reparar ou personalizar os seus sapatos, também é no trabalho deste português que confiam.

Conheça mais sobre a Leather Spa, em Nova Iorque, AQUI.

Notícia sugerida por Patrícia Guedes e Maria Manuela Mendes

Comentários

comentários

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close