Ambiente

Biocombustíveis mais eficazes e económicos

A empresa DSM - Life Sciences and Materials Sciences, da Holanda, anunciou um avanço considerável na tecnologia de bioconversão para biocombustíveis da segunda geração.
Versão para impressão
A empresa DSM – Life Sciences and Materials Sciences, da Holanda, anunciou um avanço considerável na tecnologia de bioconversão para biocombustíveis da segunda geração.

Com este avanço, a empresa garante que os biocombustíveis de segunda geração serão mais eficazes a nível económico e uma alternativa viável para a primeira geração de biocombustíveis e os combustíveis fósseis convencionais.

Os biocombustíveis de segunda geração são manufaturados a partir de resíduos agrícolas ou elementos especialmente cultivados que não competem com a cadeia alimentar já que são cultivados em terrenos impróprios para a agricultura. Já os biocombustíveis de primeira geração são considerados controversos por interferirem precisamente na cadeia alimentar.

A DSM focou a sua investigação numa enzima, derivada de um fungo encontrado em postos de compostagem que decompõe a celulose na madeira, caules de plantas e resíduos agrícolas, o que dá origem a quantidades de açúcar que são convertidos pela “fermentação avançada” da DSM em etanol, o biocombustível padrão.

A DSM considera o processo como uma fermentação que integra mais elementos, o que aumenta substancialmente a taxa de conversão de açúcar em etanol, originando quase 100% de mais rendimento.

De acordo com uma investigação citada pelo Financial Times, o bioetanol de segunda geração será o combustível renovável mais usado na próxima década.

[Notícia sugerida pelo utilizador José Freire]

Comentários

comentários

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close