Cultura

Banda de Barcelos toca com instrumentos de barro

Uma banda de Barcelos toca só com instrumentos de barro e promete fazer sucesso com o tema "Tears in Heaven", de Eric Clapton. O primeiro concerto do grupo está marcado para Agosto.
Versão para impressão
Uma banda de Barcelos toca só com instrumentos de barro e promete fazer sucesso com o tema “Tears in Heaven”, de Eric Clapton. O primeiro concerto do grupo está marcado para Agosto. 
 
A “banda de barro” está ainda a nascer e toca apenas instrumentos como ocarinas, udus, maracas e pratos. É constituída por trinta jovens instrumentalistas, todos com idades entre os 9 e os 18 anos.
 
“Para eles, que estão habituados a tocar instrumentos de difícil execução nos conservatórios e escolas de música, os instrumentos de barro acabam por ser um grande um desafio”, disse a maestrina da banda, Marta Bastos, em declarações à agência Lusa. 

“Além disso, estão a acarinhar este projeto de forma diferente por saberem que os instrumentos foram fabricados por alguém da sua terra”, acrescenta. A tarefa de dar forma a estes originais instrumentos coube a João Lourenço, o mestre oleiro da freguesia de Oliveira.

 
Henrique tem 9 anos, é o “caçula” da banda, toca udu, mas não esconde que está a ser “um bocado difícil” adaptar-se ao instrumento, nomeadamente para “apanhar o ritmo”. 
 
O projeto está ser implementado ao abrigo de um protocolo assinado entre a Câmara de Barcelos, a Banda Musical de Oliveira e a Associação de Desenvolvimento das Terras Altas do Homem, Cávado e Ave (ATAHCA).
 
Para Marta Barros, a Banda Musical de Oliveira tem neste projeto “um papel fundamental”, já que lhe caberá criar o novo grupo, com crianças e jovens da sua escola de formação.
 
Quanto à ATAHCA, a associação financia a compra de 60 instrumentos musicais em barro, 30 estojos de madeira e 30 uniformes para o grupo musical, num investimento que não chega aos 5.000 euros.
 
“Muito mais do que o valor material, o que aqui está em causa é o valor incalculável da preservação e revitalização de um património emblemático desta região”, sublinha Mota Alves, presidente da ATAHCA.


O primeiro concerto da banda “de barro” deverá acontecer em Agosto, sendo a vocação da banda, preferencialmente, para concertos em ambientes intimistas, de sala. “Mas também iremos certamente atuar ao ar livre”, acrescentou Marta Bastos.

Notícia sugerida por Maria Pandina

Comentários

comentários

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close