Cultura

Arquivo digital guarda sons das cidades portuguesas

As paisagens sonoras de seis cidades portuguesas - e também da cidade de Abu Dhabi - foram recolhidas no âmbito de um projeto português. Em Fevereiro, o Phonambient inaugura um arquivo digital online onde será possível viajar pelo património sonoro d
Versão para impressão
As paisagens sonoras de seis cidades portuguesas – e também da cidade de Abu Dhabi – foram recolhidas no âmbito de um projeto português. Em Fevereiro, o Phonambient inaugura um arquivo digital online onde será possível viajar pelo património sonoro destas terras.

Por Patrícia Maia


Imagens, cheiros e sons. Uma cidade é composta de vários ingredientes que se combinam de uma forma única definindo a sua identidade. Embora as imagens sejam registadas facilmente (sobretudo com a proliferação dos smartphone com câmaras), os sons permanecem mais efémeros. 

A fim de preservar este património, a associação cultural Sonoscopia, com sede no Porto, lançou o projeto Phonambient. A equipa, composta por 14 elementos permanentes e mais cerca de 50 colaboradores externos, tem vindo a recolher, desde Agosto de 2014, os sons em seis cidades portuguesas – Porto, Braga, Tondela, Guarda, Castelo Branco, Fundão – e ainda na cidade de Abu Dhabi.

O trânsito, os músicos de rua, os sinos de igrejas ou as expressões do quotidiano são alguns dos momentos sonoros que estão a ser registados. Dia 10 de Fevereiro, o arquivo digital, de acesso livre, fica online.

Mas a ideia é continuar. Patricia Caveiro, da Sonoscopia, que também integra a equipa do Phonambient, explica que ao Boas Notícias que o objetivo é que o projeto “continue por vários anos”. “O site será atualizado regularmente com os sons que vão sendo recolhidos”, conta. 


O projeto tem vindo a ser oficialmente apresentado, desde Dezembro, nas cidades onde os sons foram recolhidos, sendo que, em breve, a recolha deverá chegar a novas zonas do país. Ainda não há datas nem mapas definidos mas “Lisboa será, naturalmente, uma cidade que gostaríamos de incluir no projeto”, garante Patricia Caveiro. 

Projeto quer chegar a outros países

A inesperada aquisição de sons numa cidade tão distante de nós como Abu Dhabi, capital dos Emirados Árabes, surgiu porque a associação tem uma parceria com a New York University Abu Dhabi que se mostrou “muito interessada em fazer parte do projeto”. “No futuro planeamos também incluir outras cidades e locais fora do país”, acrescenta Patrícia Caveiro. 


Para a realização deste projeto que não tem prazo nem espaço, a Sonoscopia obteve um financiamento da Direção Geral das Artes na ordem dos 25 mil euros. “Mas o projeto tem um custo bastante superior, dado que são várias cidades e pessoas envolvidas”, salienta a responsável da associação. 
 
A grande apresentação do Phonambient será de 10 a 14 de Fevereiro, na Casa da Música, no Porto, num evento de entrada livre. Nesses dias, “para além da apresentação do arquivo online, vão ser apresentadas instalações sonoras e concertos desenvolvidos a partir do arquivo”. 
 
Mais informação visite o site www.sonoscopia.pt.
 

Comentários

comentários

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close