Sociedade

A Amnistia Internacional precisa do seu voice mail

NULL
Versão para impressão
A Amnistia Internacional está a promover uma campanha que convida os portugueses a substituírem a mensagem de voicemail do telemóvel por mensagens de ativistas que por aqui contam a sua história.

“Estou preso e tenho sido torturado pela polícia chinesa, por isso não posso falar. O meu nome é Dhondup Wangchen e a pessoa para quem ligou doou este espaço para que a luta pelos direitos humanos continue”. Assim começa a mensagem de Wangchen, preso desde 2008, sem ter tido direito a julgamento, por ter gravado um documentário sobre a situação dos direitos humanos no Tibete.
 
Ingrid Vergara é outra das ativistas que pela amnistia ganha voz. Ingrid é porta-voz do Movimiento Nacional de Víctimas de raptos, execuções e outras violações dos direitos humanos no norte da Colômbia, e, por isso, ela e a sua filha, têm sido vítimas de ameaças de morte constantes.
 
 “Vozes pela Liberdade” é o nome dado a esta campanha que pretende alertar e envolver os cidadãos na resolução de problemas e violações dos direitos humanos dando a conhecer as vítimas, caladas à força.
Esta campanha inclui também um filme, uma campanha de imprensa e spots de rádio.
 
Clique AQUI  para gravar os depoimentos de Dhondup Wangchen  e de Ingrid Vergara.

Comentários

comentários

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close