Negócios e Empreendorismo

Wall Street Journal destaca exportações portuguesas

O prestigiado Wall Street Journal deu, esta quinta-feira, destaque à descida do défice português permitida por um aumento das exportações, que subiram 8,3%, e uma diminuição das importações, que registaram uma queda de 9,9%.
Versão para impressão
O prestigiado Wall Street Journal deu, esta quinta-feira, destaque à descida do défice português permitida por um aumento das exportações, que subiram 8,3%, e uma diminuição das importações, que registaram uma queda de 9,9%.
 
Um artigo da jornalista Patricia Kowsmann, da Dow Jones, cita o Instituto Nacional de Estatística (INE) para explicar que a venda de produtos para fora da União Europeia, em especial a exportação de autocarros para a China e de maquinaria para outras nações estrangeiras, se assumiu como a maior contribuição para a melhoria da situação.
 
Kowsmann acrescenta ainda que o governo português, que se tem apoiado em empréstimos da União Europeia e do Fundo Monetário Internacional para cobrir as suas necessidades, espera que a balança comercial atinja valores positivos já em 2013.
 

Comentários

comentários

Pub

Aid Global

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub