Negócios e Empreendorismo

Wall Street Journal destaca exportações portuguesas

O prestigiado Wall Street Journal deu, esta quinta-feira, destaque à descida do défice português permitida por um aumento das exportações, que subiram 8,3%, e uma diminuição das importações, que registaram uma queda de 9,9%.
Versão para impressão
O prestigiado Wall Street Journal deu, esta quinta-feira, destaque à descida do défice português permitida por um aumento das exportações, que subiram 8,3%, e uma diminuição das importações, que registaram uma queda de 9,9%.
 
Um artigo da jornalista Patricia Kowsmann, da Dow Jones, cita o Instituto Nacional de Estatística (INE) para explicar que a venda de produtos para fora da União Europeia, em especial a exportação de autocarros para a China e de maquinaria para outras nações estrangeiras, se assumiu como a maior contribuição para a melhoria da situação.
 
Kowsmann acrescenta ainda que o governo português, que se tem apoiado em empréstimos da União Europeia e do Fundo Monetário Internacional para cobrir as suas necessidades, espera que a balança comercial atinja valores positivos já em 2013.
 

Comentários

comentários

Pub

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close