Cultura

Skate: Pranchas portuguesas põem arte sobre rodas

Se se cruzar na rua com alguém a andar em cima de um polvo de barba azul, não se assuste. É apenas a nova linha de skates Beard On Boards, criada por dois portugueses que transformam estas pranchas em obras de arte ambulantes.
Versão para impressão
Se se cruzar na rua com alguém a andar em cima de um polvo com barbas, não se assuste. É apenas a nova linha de pranchas longboard Beards On Boards, criada por dois portugueses que transformam esta modalidade em autênticas obras de arte ambulantes.

por Patrícia Maia

Ricardo Martins e Nuno Vitorino garantem que as pranchas longboard (espécie de skate mais comprido) são a maneira mais prática, ecológica e económica de andar na cidade. “Foi o Ricardo que me pegou este vício, ele já andava de longboard e aparecia-me sempre em cinco minutos em qualquer lado”, recorda Nuno Vitorino em entrevista ao Boas Notícias.

Nuno, que também tem o projeto de mobiliário Elkwood Design, deixou-se convencer pelo amigo a deslizar por Aveiro em cima das quadro rodas mas, em vez de comprar uma prancha, quis desenhar a sua própria longboard.


Nuno Vitorino e Ricardo Martins já produziram na oficina de Aveiro cerca de 20 pranchas 'longboard', todas elas únicas e com personagens barbudas

“O Ricardo é um ilustrador incrível e percebemos que nos podíamos dar ao luxo de desenhar a prancha onde vamos surfar”, explica Nuno. Assim nasceu a primeira prancha 'barbuda', inspirada nas próprias barbas dos dois amigos e criadores.

As ilustrações são desenhadas por Ricardo e as pranchas, de bétula, são produzidas, manualmente, por Nuno, numa oficina da Universidade de Aveiro (onde os dois amigos fizeram o curso superior). Até mesmo a lixa que a dupla aplica é feita manualmente. “Criámos uma lixa de areia e verniz que, em vez de ser opaca, como a lixa tradicional, é transparente e não tapa as cores nem as ilustrações”.

A complexidade de execução de cada prancha reflete-se no seu preço. “Já fizemos uma peça toda talhada em relevo (foto acima) que demorou muito mais tempo a produzir”, explica Nuno, adiantando que por isso “os preços variam entre os 180 e os 550 euros”. 

Novos ilustradores a desenhar pranchas

Este projeto já 'tem barbas' mas nasceu apenas no início do ano. Mesmo assim, a dupla já vendeu cerca de 20 pranchas, para clientes de Portugal e também para países africanos, para a Suíça, França e Inglaterra.

Os dois amigos pretendem continuar a apostar na Beards on Boards, “alargando a rede de colaboradores”. “Já temos ilustradores de renome que vão trabalhar connosco”, revela Ricardo, acrescentando que o objetivo “é usar as longboards não só como meio de transporte mas como espaço de exposição e de divulgação dos talentos nacionais”.

Ricardo, conhecido no mundo artístico como 'Ilustre Senhor', adianta que, além das pranchas totalmente personalizadas de acordo com o pedido de cliente, a Beard on Boards tem coleções próprias e vai, em breve, lançar novos modelos de 'barbas sobre rodas'.


As pranchas podem ser encomendadas através do email beardsonboards@gmail.com ou no espaço Circus, no Porto, que tem algumas Beards on Boards em exposição.

Comentários

comentários

BN TV

O Boas Notícias está de volta!

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório