Sociedade

Projeto “SEF vai à escola”

O governo português pretende regularizar todas as crianças estrangeiras integradas no sistema educativo português através do projeto "SEF vai à Escola". O objetivo é atribuir ou renovar documentos de autorização de residência de cidadãos estrangeiros
Versão para impressão
O governo português pretende regularizar todas as crianças estrangeiras integradas no sistema educativo português através do projeto “SEF vai à Escola”. O objetivo é atribuir ou renovar documentos de autorização de residência de cidadãos estrangeiros que estudem no país.

“Não há crianças ilegais. Há é crianças que podem não ter documentos. E o que nós temos a fazer é tratar desses documentos, para que não se sintam excluídas”, disse o ministro da Administração Interna Rui Pereira que ontem junto com a ministra da Educação Isabel Alçada, entregaram mais 23 títulos de residência a alunos e família residentes no concelho da Amadora.

A ministra da Educação Isabel Alçada sublinhou a importância da ação que pretende “unir mais as pessoas” numa tentativa para “que todos se sintam bem no nosso país, para que as crianças se sintam acolhidas e integradas nas escolas”.

O projeto “SEF vai à escola” tem âmbito nacional e está em acção desde Dezembro de 2009.  

Comentários

comentários

Etiquetas

BN TV

O Boas Notícias está de volta!

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório