Sociedade

IRS: vidros duplos e caldeiras são dedutíveis

Publicada hoje em Diário da República, esta é a nova medida de incentivo para a redução da fatura energética de Portugal: os contribuintes que procedam à instalação de vidros duplos ou caldeiras para o aquecimento de águas sanitárias vão contar com n
Versão para impressão
Publicada hoje em Diário da República, esta é a nova medida de incentivo para a redução da fatura energética de Portugal: os contribuintes que procedam à instalação de vidros duplos ou caldeiras para o aquecimento de águas sanitárias vão contar com novos benefícios fiscais.

Além disso, são também dedutíveis equipamentos de carregamento de veículos elétricos de instalação doméstica – desde que de acordo com as especificações técnicas definidas pelo governo – e instalações solares térmicas para aquecimento de águas sanitárias e de climatização, quando a sua captação de energia é realizada a partir de coletores solares, adianta a agência Lusa.

As novas deduções estavam previstas no Orçamento de Estado 2010 aprovado em março, mas só hoje foi publicada a lista dos encargos com equipamentos de eficiência energética que os contribuintes individuais podem inscrever no seu IRS.

Comentários

comentários

BN TV

O Boas Notícias está de volta!

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório