Espetáculos e Exposições

Homenagem ao rei do reggae em Lisboa e no Porto

NULL
Versão para impressão
Bob Marley morreu há 30 anos, mas a sua música e ideologia ainda marcam as gerações atuais. Ele é, afinal, o eterno “rei do reggae” e, por isso, o coletivo norte-americano Groundation presta-lhe homenagem em dois concertos a realizar em Lisboa e no Porto.

O tributo começa já esta sexta-feira, no Coliseu dos Recreios, continuando no dia seguinte, no Teatro Sá da Bandeira. Também o cantor Alpha Blondy fará a sua homenagem no Porto, a 19 de julho, na Casa da Música.

Apesar de ter morrido com apenas 36 anos, a 11 de maio de 1981, vítima de cancro da pele, Bob Marley vendeu mais de 200 milhões de discos em todo o mundo. Juntamente com os The Wailers, gravou álbuns como “Catch a Fire” e “Burnin”.

Temas como “Get Up, Stand Up”, “I Shot the Sheriff”, “No Woman No Cry” e “Could You Be Loved” espelham os ideais de paz, liberdade, emancipação e luta contra a opressão defendidos pelo cantor jamaicano.

A cidade de Vila Nova de Gaia organiza também, no próximo mês de junho, um festival inteiramente dedicado ao reggae, sob o mote “Tribute to Freedom”. Julian Marley, Lee Perry e Terrakota vão relembrar o homem que, mais do que uma figura incontornável do reggae, é o rosto de um movimento que ainda move jovens em todo o mundo.

Comentários

comentários

BN TV

O Boas Notícias está de volta!

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório