Espetáculos e Exposições

Homenagem ao rei do reggae em Lisboa e no Porto

NULL
Versão para impressão
Bob Marley morreu há 30 anos, mas a sua música e ideologia ainda marcam as gerações atuais. Ele é, afinal, o eterno “rei do reggae” e, por isso, o coletivo norte-americano Groundation presta-lhe homenagem em dois concertos a realizar em Lisboa e no Porto.

O tributo começa já esta sexta-feira, no Coliseu dos Recreios, continuando no dia seguinte, no Teatro Sá da Bandeira. Também o cantor Alpha Blondy fará a sua homenagem no Porto, a 19 de julho, na Casa da Música.

Apesar de ter morrido com apenas 36 anos, a 11 de maio de 1981, vítima de cancro da pele, Bob Marley vendeu mais de 200 milhões de discos em todo o mundo. Juntamente com os The Wailers, gravou álbuns como “Catch a Fire” e “Burnin”.

Temas como “Get Up, Stand Up”, “I Shot the Sheriff”, “No Woman No Cry” e “Could You Be Loved” espelham os ideais de paz, liberdade, emancipação e luta contra a opressão defendidos pelo cantor jamaicano.

A cidade de Vila Nova de Gaia organiza também, no próximo mês de junho, um festival inteiramente dedicado ao reggae, sob o mote “Tribute to Freedom”. Julian Marley, Lee Perry e Terrakota vão relembrar o homem que, mais do que uma figura incontornável do reggae, é o rosto de um movimento que ainda move jovens em todo o mundo.

Comentários

comentários

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close