Cultura

Editado dicionário de expressões alentejanas

Oito contos humorísticos sobre histórias de alentejanos escritos com sotaque alentejano e um dicionário com mais de duas mil palavras e expressões típicas do Alentejo compõem o livro "Heróis à Moda do Alentejo", lançado esta semana.
Versão para impressão
Oito contos humorísticos sobre histórias de alentejanos escritos com sotaque alentejano e um dicionário com mais de duas mil palavras e expressões típicas do Alentejo compõem o livro “Heróis à Moda do Alentejo”, lançado esta semana.

“Dá-me umas fezes”, que significa ficar preocupado, “cair do céu por não ter unhas”, o mesmo que ter uma grande sorte, “não vale um escalho de erva”, igual a dizer que não presta para nada, “assobia as botas”, para dizer que desapareceu rapidamente, são algumas das expressões que constam do novo dicionário.

Depois de reunidos os contos, foi criado o glossário para acompanhar o livro, e que junta cerca de dois mil falares pouco reconhecidas fora do Alentejo. O humor atravessa todas as histórias mas, para o coordenador do projeto, é sobretudo a vertente de preservação cultural que enriquece a obra.

A obra “Heróis à moda do Alentejo” foi coordenada pelo autor Luís Miguel Ricardo e os contistas convidados são Antónia Silva e Afonso Barroso, Carlos Viegas, João Paulo, Manuela Pina, Marco Maurício, Maria Morais e Paulo Godinho.

Luís Miguel Ricardo, explicou à RTP que o objetivo do livro é evitar que se percam os vocábulos e a tradição linguística do Alentejo.

“Heróis à Moda do Alentejo” é o segundo livro da coleção que se iniciou com “Heróis à Moda do Porto”, que apresenta um conjunto de vocábulos do calão da cidade invicta.

Comentários

comentários

Etiquetas

BN TV

O Boas Notícias está de volta!

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório