Mundo

Brasil multa empresas que paguem menos a mulheres

O Senado Federal brasileiro aprovou, esta terça-feira, um programa que pretende promover a igualdade de salários entre homens e mulheres em empresas públicas e privadas.
Versão para impressão
O Senado Federal brasileiro aprovou, esta terça-feira, um programa que pretende promover a igualdade de salários entre homens e mulheres em empresas públicas e privadas.
 
A multa estipulada pelo projeto é de cinco vezes a diferença entre os salários durante todo o período de contratação da funcionária. 
 
O projeto foi relatado pelo presidente da Comissão de Direitos Humanos (CSH),  Paulo Paim, e na Comissão de Assuntos Sociais, pelo senador Waldemir Moka. Em ambos os casos, o parecer foi pela aprovação integral do projeto. 
 
A proposta foi aprovada pela CSH no Senado e já foi aprovada em Câmara. Caso não haja pedido para que a lei seja votada em público – situação que será pouco provável – resta a última palavra da presidente Dilma Rousseff para que a medida possa ser implementada.

Comentários

comentários

BN TV

O Boas Notícias está de volta!

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório