Negócios e Empreendorismo

Vinhos: Douro vendeu mais de 100 milhões de euros

Os vinhos DOC Douro fecharam 2013 com um valor de vendas recorde, superior a 100 milhões de euros, ou seja, mais 12,2 por cento do que no ano anterior. F
Versão para impressão
Os vinhos DOC Douro fecharam 2013 com um valor de vendas recorde, superior a 100 milhões de euros, ou seja, mais 12,2 por cento do que no ano anterior. França foi o país que mais se deixou seduzir pelos 'néctares' durienses, com uma subida de 40% no volume de negócio.

A comercialização dos DOC Douro cresceu, quer em quantidade, com um aumento de 9,7 por cento, quer ao nível do preço por litro, que registou uma subida de 2,3 por cento.

A quota de exportação manteve-se acima dos 40 por cento (40,9% em valor e 40,1% em quantidade). Os DOC Douro tintos continuam a deter a maioria do mercado, com quase 80 por cento (79,2%).

Nove dos dez principais mercados cresceram em volume de negócios, com Portugal na liderança seguido pelo Canadá e Angola. 

Mercado francês cresceu mais de 40%

 
No âmbito dos dez principais mercados, o francês, que ocupa a 9ª posição, foi o que mais cresceu na generalidade com um aumento do volume de negócios superior a 40 por cento (41,2%), mais 25 por cento de caixas vendidas (25,2%) e quase 13 por cento de aumento no preço por litro (12,8%).
 
Em comunicado de imprensa enviado ao Boas Notícias, o presidente do Instituto dos Vinhos do Douro e do Porto (IVDP), Manuel de Novaes Cabral, afirma que “os vinhos da Região Demarcada do Douro estão a aumentar a sua quota de terreno internacional de uma forma muito interessante. Mais do que a quantidade, estes resultados demonstram que os DOC Douro estão a crescer em notoriedade e valor a um ritmo sustentável”.
 

Comentários

comentários

Etiquetas

Pub

Aid Global

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub