Cultura

Verão: Jovens espanhóis aprendem Português

São mais de meia centena de jovens que integram, até 23 de Julho, um acampamento de Verão para aprenderem Português, organizado pela Junta de Extremadura, no quadro do Programa de Imersão Linguística. O acampamento, já na quinta edição, duplicou em n
Versão para impressão
São mais de meia centena de jovens que integram, até 23 de Julho, um acampamento de Verão para aprenderem Português, organizado pela Junta de Extremadura, no quadro do Programa de Imersão Linguística. O acampamento, já na quinta edição, duplicou em número de participantes, reflectindo a aposta da Junta de Extremadura em tornar o Português a segunda língua estrangeira, lê-se na página do Instituto Camões.

O encontro decorre desde dia 12 na residência do Instituto Nuestra Señora de Bótoa (escola secundária), de Badajoz. Ao longo de 12 dias estes alunos do primeiro ciclo e do secundário são colocados em situações lúdicas em que se encontraria quem queira viajar para países de língua portuguesa.

O Programa de Imersão Linguística do Ministério Regional da Educação surge no âmbito do Lingualex (2009-2015), para consolidar os idiomas oferecidos no plano de educação e potenciar os seus aspectos práticos.

Nesta edição, com dois acampamentos – o primeiro realizou-se de 28 de Junho a 9 de Julho -, o número de vagas mais do que duplicou, para dar resposta ao crescente interesse da população extremenha pela língua de Camões

99 escolas ensinam português na Extremadura

O Português como segunda língua estrangeira nos centros educativos da região é, aliás, objectivo assumido pelo presidente da Junta de Extremadura, Guillermo Fernández Vara, no quadro da intensificação das relações com Portugal. Sinal deste compromisso, na próxima segunda-feira, 19 de Julho, a ministra regional da Educação, Eva María López, visita este acampamento.

Nas escolas oficiais da Extremadura espanhola, o Português é já o terceiro idioma no nível secundário e o segundo em muitos estabelecimentos do primeiro ciclo.

No ano lectivo 2009-2010, 34 escolas desta região espanhola ofereceram o Português como segunda língua estrangeira, no 5.º e 6.º anos do primeiro ciclo. Outras 32 escolas primárias desenvolveram o Programa de Língua e Cultura Portuguesas.

Já ao nível do Secundário, no ano lectivo que recentemente terminou, 33 institutos (liceus) leccionaram o idioma (21 como segunda língua estrangeira e 12 como terceira). Assim sendo, houve aulas de Português num total de 99 centros educativos do ensino primário e secundário.

[Notícia sugerida por Céu Guitart]

Comentários

comentários

BN TV

O Boas Notícias está de volta!

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório