Mundo

Vaticano: Protestante lidera Academia de Ciências

Pela primeira vez, um não-católico foi nomeado pelo Papa para presidente da Academia Pontifical de Ciências. O suíço Werner Arber, de 81 anos, é um geneticista protestante já galardoado com o Prémio Nobel da Medicina em 1978.
Versão para impressão
Pela primeira vez, um não-católico foi nomeado pelo Papa para presidente da Academia Pontifical de Ciências. O suíço Werner Arber, de 81 anos, é um geneticista protestante já galardoado com o Prémio Nobel da Medicina em 1978.

Especialista em biologia molecular, o cientista obteve o Nobel pela descoberta da enzima de restrição, um mecanismo de defesa das bactérias perante agentes infecciosos, trabalho que desenvolveu em conjunto com os norte-americanos Hamilton O. Smith e Daniel Nathans, noticia a AFP.

Werner Arber é membro da Academia Pontifical desde maio de 1981 e sucede agora ao italiano Nicola Caribbo, já falecido, na sua presidência.

A instituição foi fundada no século XVII, em 1603. As suas linhas de ação passam pela investigação científica e o debate de problemas da ética, principalmente na área ambiental.

[Notícia sugerida pelo utilizador Vítor Fernandes]

Comentários

comentários

Etiquetas

Pub

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub