Negócios e Empreendorismo

Subsolo de Alcobaça pode ter gás

A Mohave Oil and Gas Corporation acredita que o subsolo de Alcobaça tem volumes potenciais de gás na ordem dos 5 a 6 milhões de metros cúbicos, anunciou a empresa que pretende iniciar a prospeção na cidade.
Versão para impressão
A Mohave Oil and Gas Corporation acredita que o subsolo de Alcobaça tem volumes potenciais de gás na ordem dos 5 a 6 milhões de metros cúbicos, anunciou a empresa que pretende iniciar a prospeção na cidade.
 
“Identificámos uma estrutura geológica que poderá revelar reservatórios com volumes potenciais de gás na ordem dos 5 a 6 milhões de metros cúbicos”, anunciou Rui Vieira, geólogo da Mohave Oil and Gas Corporation, citado pela agência Lusa.
 
De acordo com o geólogo, se as expetativas da empresa se confirmarem, tal poderá significar uma produção de “2 milhões de metros cúbicos de gás por dia, durante cerca de oito a dez anos”.
 
Rui Vieira falava em Alcobaça, no âmbito de uma reunião pública para explicar à população as intenções da empresa, que solicitou à Câmara Municipal autorização para efetuar um furo de prospeção no perímetro urbano da cidade.

O furo, a realizar a 700 metros de distância do Mosteiro (monumento classificado) é, segundo o geólogo, “a única forma de confirmar” a existência ou não de gás.

 
As sondagens, que aguardam apenas o aval da câmara (que irá revelar a sua posição na próxima semana), deverão ser realizadas a 3 mil metros de profundidade e decorrer durante 120 dias, 24 horas por dia.

Empresa promete que furo será “silencioso” e sem perigo
 
Os incómodos para a população eram os maiores receios manifestados pela autarquia, mas a empresa assegurou que os trabalhos não envolvem qualquer perigo para as habitações próximas do furo e que o equipamento a utilizar será “silencioso”.

[Notícia sugerida por Vítor Fernandes]

Comentários

comentários

Etiquetas

BN TV

O Boas Notícias está de volta!

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório