Mundo

Reformada de 84 anos impede assalto

Doris Thiele, de 84 anos, estava tranquilamente a dormir na sua casa em New Hampshire, no Reino Unido, quando viu uma luz acesa na casa que pensou ser a filha que poderia estar a sentir-se mal. Para seu espanto, na cozinha deparou-se com um intruso,
Versão para impressão
Doris Thiele, de 84 anos, estava tranquilamente a dormir na sua casa em New Hampshire, no Reino Unido, quando viu uma luz acesa na casa que pensou ser a filha que poderia estar a sentir-se mal. Para seu espanto, na cozinha deparou-se com um intruso, Leon Ingram de 34 anos.

“Decidi não fugir e gritei quando ele se aproximou de mim”, explica Doris à Press Association. Entretanto a filha alarmada pelos gritos levantou-se e já na cozinha quando viu o ladrão saltou-lhe para o pescoço.

“Ele só gritava ´enganei-me na casa, deixem-me ir´mas eu agarrei na bengala e continuei a bater-lhe. Não o íamos deixar fugir e ele sabia”, conta a octogenária [na fotografia] que se recusou a ser intimidada na própria casa.

Image and video hosting by TinyPicA polícia acabou por apanhar o suspeito que entretanto se conseguiu desenvencilhar das duas mulheres. Foi condenado a três anos de prisão este mês depois de confessar o crime de assalto em lojas e casas da região.

“Não trabalhei uma vida inteira para ver tudo desaparecer para um drogado. Ele faltou-me ao respeito”, considerou Doris que ficou viúva muito cedo com a filha ainda pequena a quem teve de sustentar.

“É uma boa mensagem para todos os ladrões verem que os pensionistas não são assim tão frágeis. Se alguém invade o que é nosso temos de nos defender”, justificou.

Doris Thiele e a filha Helen receberam um prémio de bravura atribuído pelas autoridades locais e o preso, viciado em heroína, escreveu uma carta a pedir desculpas pelo sucedido.

Comentários

comentários

Etiquetas

Pub

Aid Global

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub