Saúde

Proteína na urina ajuda a detetar lesão renal

De acordo com investigadores da Universidade John Hopkins (EUA), os indivíduos com elevados níveis de albuminúria na urina desenvolvem lesões renais agudas com maior facilidade. Assim, uma simples e rápida análise à urina permitiria detetar com eficá
Versão para impressão
[Foto: © Steven Fruitsmaak]

De acordo com investigadores da Universidade John Hopkins (EUA), os indivíduos com elevados níveis de albuminúria na urina desenvolvem lesões renais agudas com maior facilidade. Assim, uma simples e rápida análise à urina permitiria detetar com eficácia essas lesões.

No estudo publicado no Journal of the American Society of Nephrology, os investigadores frisam que a análise à albuminúria, mas rápida e pouco dispendiosa, fornece melhores resultados do que o atual método utilizado para diagnosticar as lesões renais, designado por taxa de filtração glomerular.

Após estudarem 11.200 pacientes e os seus respetivos registos médicos, os investigadores submeteram-nos ao teste de albuminúria. Verificou-se que até baixos níveis de albuminúria estavam relacionados com o desenvolvimento da lesão renal aguda, tal como aconteceu com um dos pacientes.

Esse ferimento no rim pode ocorrer quando os pacientes recebem medicação ou corantes de contraste intravenoso para deixar os seus órgãos internos visíveis durante a tomografia computorizada, ou procedimentos em artérias coronárias.

A lesão renal aguda pode ter uma ligação genética também: os cientistas estabeleceram uma ligação entre uma variação única no código genético e as concentrações de creatinina sérica, a proteína indicadora de doença renal crónica.

A lesão renal aguda ocorre em 1,6% dos doentes internados numa unidade hospitalar e caracteriza-se pela perda súbita da capacidade de filtrar os produtos tóxicos da corrente sanguínea. Esta situação pode progredir para insuficiência renal crónica e obrigar os doentes a submeterem-se a diálise ou mesmo transplante renal.

Comentários

comentários

Etiquetas

BN TV

O Boas Notícias está de volta!

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório