Saúde

Primeiro fármaco à base de cannabis comercializado

O Reino Unido autorizou a venda do primeiro medicamento feito à base de cannabis para tratar sintomas de esclerose múltipla (EM). O Sativex pertence à farmacêutica GW Pharmaceuticals PLC e é o primeiro medicamento a surgir para a EM em duas décadas.
Versão para impressão
O Reino Unido autorizou a venda do primeiro medicamento feito à base de cannabis para tratar sintomas de esclerose múltipla (EM). O Sativex pertence à farmacêutica GW Pharmaceuticals PLC e é o primeiro medicamento a surgir para a EM em duas décadas.

O Sativex estava a ser desenvolvido pela GW há uma década e contem elementos derivados da planta cannabis, conhecida pelos efeitos psicoativos, mas que aqui agem como relaxante muscular para aliviar a rigidez causada pela esclerose múltipla nos músculos dos pacientes.

O medicamento tem encontrado entraves na comercialização na Europa mas já é vendido no Canadá, onde é usado para o tratamento da dor neuropática. Agora a Agência Reguladora do Medicamento no Reino Unido autorizou a venda do Sativex.

“Sativex não vai curar a Esclerose Múltipla”, explica um dos responsáveis citados pelo Telegraph. “Mas vai ajudar a tornar a vida mais tolerável de novo. Não resulta em toda a gente – não é um milagre – mas é uma inovação de valor e estamos muito satisfeitos”.

A farmacêutica GW descobriu ainda que o potencial terapêutico do Sativex, que se aplica debaixo da língua, não está em aliviar apenas os problemas dos espasmos mas também ajuda em casos de esquizofrenia, epilepsia e alguns tipos de diabetes.

A farmacêutica espanhola Almirall irá comercializar o Sativex fora do Reino Unido, conforme anuncia a Reuters.

Comentários

comentários

Etiquetas

BN TV

O Boas Notícias está de volta!

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório