Sociedade

Portugal revela estratégia de combate às drogas

O coordenador nacional de luta contra a toxicodependência, João Goulão, vai apresentar ainda esta semana o seu modelo de descriminalização das drogas e os respetivos resultados nas Nações Unidas.
Versão para impressão
O coordenador nacional de luta contra a toxicodependência, João Goulão, vai apresentar ainda esta semana o seu modelo de descriminalização das drogas e os respetivos resultados nas Nações Unidas.

Em declarações à agência Lusa, João Goulão afirmou que “em função dos resultados positivos que existem – acho que em equipa que ganha não se mexe – não advogo para já qualquer alteração ao nosso quadro legal nos próximos anos”.

O coordenador e também presidente do Instituto da Droga e da Toxicodependência encontra-se em Viena, para a 53ª reunião da Comissão de Estupefacientes  das Nações Unidas que, no total, junta 53 países a nível mundial.

“No último relatório havia pela primeira vez uma referência elogiosa à evolução da situação em Portugal. Num primeiro momento, este gabinete tinha tido uma atitude extremamente crítica relativamente à descriminalização dos consumos em Portugal, mas agora já assume que a evolução tem sido positiva”, indicou João Goulão.

O modelo de descriminalização do consumo e encaminhamento dos consumidores apanhados pelas autoridades para comissões de dissuasão têm revelado resultados que levaram o Gabinete das Nações Unidas para as Drogas e Crime a repensar a sua posição quanto ao panorama nacional.

A comissão portuguesa vai ainda aproveitar a deslocação a Viena para assinar um protocolo de colaboração e troca de experiências com o Perú, relativamente ao consumo de heroína e cocaína no nosso país.

Comentários

comentários

BN TV

O Boas Notícias está de volta!

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório