Gastronomia

Portugal é o melhor do mundo a fazer pizza

?Veni, vidi, vici?, A frase atribuída a Júlio César cabe que nem uma luva à Seleção Nacional de "pizzaiolos". Na sua estreia no Campeonato Mundial de Pizza, que decorreu a semana passada em Nápoles, Itália, a equipa portuguesa arrecadou o primeiro lu
Versão para impressão
“Veni, vidi, vici”. A frase atribuída a Júlio César cabe que nem uma luva à Seleção Nacional de "pizzaiolos". Na sua estreia no Campeonato Mundial de Pizza, que decorreu a semana passada em Nápoles, Itália, a equipa portuguesa arrecadou o 1.º lugar na competição por equipas, sagrando-se campeã mundial.
 
Sete profissionais consagrados durante o último Campeonato Português de Pizza, que decorreu em Julho, no Porto, rumaram a Nápoles para participar no Campeonato Mundial de Pizzaiolos. 
 
As seis pizzas apresentadas pela seleção foram elaboradas com produtos 100% portugueses e ingredientes típicos da gastronomia lusa conquistaram o júri constituído por anteriores campeões do mundo e especialistas internacionais nesta iguaria tipicamente italiana que tem adeptos incondicionais em todo o mundo. 
 
Além do feito da seleção, António Mezzero, um italiano radicado em Portugal que organiza o campeonato nacional e lidera a equipa lusa, conseguiu o 2.º lugar da competição individual na categoria de Pizza Clássica, disputada com outros 480 concorrentes. 
 


Nápoles acolheu 700 'pizzaiolos' de todo o mundo

“Sardinhas, bacalhau, broa, presunto e azeitonas, tudo com qualidade extra, fizeram pizzas muito saborosas que surpreenderam o júri”, revela em comunicado de imprensa António Mezzero que, apesar de confiante na qualidade dos “pizzaiolos” portugueses não esperava uma vitória tão arrebatadora. 

 
“Estava muito esperançado num bom resultado, porque sei da qualidade das pizzas que se fazem em Portugal, achava possível ficar no top 5, mas ser o campeão não deixa de ser uma surpresa”, confessa Mezzero. 
 

Mezzero nasceu em Itália mas já adquiriu nacionalidade portuguesa e encabeçou uma seleção composta por Daniel Baptista (da Pizzeria MouraPão, Vilamoura), Fábio Silva (Pizzeria Gastrófilo, Tondela), Rute Mazza (Pizzeria Il Siciliano, Cascais), Casimiro Santos (Pizzeria L’Artista, Oliveira do Hospital), Francisco Ribeiro (Pizzeria Al Forno de Penafiel) e João Almeida (do Grupo de Pizzerias S. Martino, no Porto).
 
Em Nápoles estiveram 700 pizzaiolos de todo o mundo. No que respeita ao Troféu das Nações, Portugal disputou a grande final com outras quinze seleções: Itália, México, Japão, Tailândia, Brasil, Espanha, Alemanha, República Checa, Dinamarca, França, Grécia, Argentina, EUA, China e Bélgica.

Notícia sugerida por António Resende

Comentários

comentários

Etiquetas

BN TV

O Boas Notícias está de volta!

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório