Ambiente

Pelicano cinzento africano nasce no Zoo de Lagos

Nasceu há duas semanas no Parque Zoológico de Lagos o mais novo morador, um pequeno pelicano cinzento africano. Embora esta não seja uma espécie potencialmente ameaçada, a escassez do sucesso reprodutivo em cativeiro da mesma faz deste um aco

Versão para impressão
Nasceu há duas semanas no Parque Zoológico de Lagos o mais novo morador, um pequeno pelicano cinzento africano. Embora esta não seja uma espécie potencialmente ameaçada, a escassez do sucesso reprodutivo em cativeiro da mesma faz deste um acontecimento algo raro.

Nascida em março, a cria é o novo membro da família de pelicanos rufescens residentes no parque, juntando-se assim aos dois casais e à cria de um ano que nasceu também no Zoo de Lagos.

Além de ainda existirem poucos estudos acerca dos hábitos reprodutivos da espécie e do tipo de alimento (tamanho de peixe) fornecido às crias pelos progenitores, o ISIS – Internacional Species Information, realizou um estudo no ano de 2009, em 50 Jardins Zoológicos detentores desta espécie, e registou apenas três reproduções com sucesso – duas nos Estados Unidos e uma na República Checa.

O Zoo de Lagos atribui o sucesso da reprodução desta espécie às condições de bem-estar e recriação dos habitats naturais, havendo a possibilidade dos progenitores terem desenvolvido comportamento piscatórios dentro do parque.

Durante o período de alimentação da cria, os progenitores foram avistados frequentemente a pescarem no lago do Zoo vários Gambusia punctata, peixes de pequenas dimensões, muito apreciados por pelicanos, principalmente por possibilitarem um fácil processo de regurgitação aquando da alimentação das crias.

Espécie originária da África tropical e subtropical, os Pelicanos selvagens deleitam-se normalmente em barragens, rios e pequenas lagoas sazonais de água doce, consumindo diariamente cerca de 900 a 1200 gramas de peixe.

Têm um comprimento que pode variar entre os 125 a 132 cm e uma longevidade aproximadamente de 12 anos. Quanto aos hábitos de reprodução, os Pelicanos do Zoo de Lagos têm os mesmos hábitos que seus familiares selvagens.

Os pares são monógamos apenas em cada estação, sendo independentes fora da época reprodutiva.

Comentários

comentários

Etiquetas

BN TV

O Boas Notícias está de volta!

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório