Cultura

Museu do Oriente nomeado para prémio europeu

O prémio Museu Europeu do Ano, atribuído desde 1977, é o mais importante galardão no campo da museologia europeia. Este ano, o Museu do Oriente é um dos nomeados. O vencedor será conhecido no próximo mês de maio, numa cerimónia a realizar-se em Tampe
Versão para impressão
O prémio Museu Europeu do Ano, atribuído desde 1977, é o mais importante galardão no campo da museologia europeia. Este ano, o Museu do Oriente é um dos nomeados. O vencedor será conhecido no próximo mês de maio, numa cerimónia a realizar-se em Tampere, na Finlândia.

O prémio tem vindo a distinguir, desde 1977, os espaços museológicos europeus que, além da sua qualidade, observem a diversidade e riqueza cultural do seu continente e captem, simultaneamente, a atenção do público.

O júri avalia critérios como o edifício – que deve valer por todas as suas componentes, seja a arquitetura, o valor histórico ou os espaços que servem as exposições -, a dimensão europeia do museu, a funcionalidade, legibilidade e recurso aos media e ao design gráfico, o nível de responsabilidade social em relação às comunidades locais, regionais e nacionais, e o estado de conservação, das instalações de armazenamento e de documentação.

Carlos Monjardino, presidente da Fundação Oriente que tutela o museu português agora nomeado, considera que este “é um motivo de orgulho e satisfação, pois, apesar das circunstâncias adversas dos últimos dois anos, o Museu do Oriente tem sido um sucesso a todos os níveis, comprovado por esta nomeação”, declarou à agência Lusa.

Prestes a completar dois anos de existência no dia 8 de maio, o Museu do Oriente, situado no edifício Pedro Álvares Cabral, na Avenida de Brasília, foi já distinguido como Melhor Museu Português, no seu ano de instituição (2008).

Comentários

comentários

Pub

Aid Global

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub