Oliveira, Moto2, Grand Prix of the Americas, 2018.
Desporto Em Destaque

Miguel Oliveira preparado para lutar por mais um pódio

Campeonato do Mundo de Moto2 chega ao Circuito de Assen para a 8ª jornada da época, com Miguel Oliveira a apenas um ponto da liderança da classificação geral
Versão para impressão

 

 A categoria de Moto2 chega este fim de semana a um dos traçados mais lendários do calendário, Assen, na Holanda. Fazendo parte do Campeonato Mundial de Motociclismo desde 1949, este local é conhecido como a ‘Catedral’ das corridas de motos, e a viagem para a Holanda é sempre uma ocasião especial. Miguel Oliveira espera conquistar um grande resultado para a Red Bull KTM Ajo, tendo na sua mira mais um pódio no campeonato.

O piloto português fez uma sensacional exibição em Barcelona, ​​terminando a corrida em segundo lugar, e está agora a apenas um ponto do líder do campeonato. Miguel Oliveira vai tentar agarrar o seu terceiro pódio consecutivo, depois dos alcançados pódios em Mugello e Barcelona, ​​num circuito onde já venceu. Vitorioso em Moto3 pelo Red Bull KTM Ajo em 2015 nesta pista holandesa, conseguiu também um pódio aqui em 2014 e a pole position em 2013, tudo isto em Moto3. Na classe intermédia, no GP do ano passado na Holanda foi a primeira vez que lutou pela vitória em cima de uma KTM, moto nova em grelha em 2017.

“Tivemos dois resultados muito positivos em Mugello e Barcelona, ​​o que nos permitiu aproximar-nos da liderança na classificação geral, mas ainda é muito cedo e temos de trabalhar corrida a corrida. A ideia é continuar da mesma forma neste fim de semana, embora exista um ponto importante a melhorar, a qualificação. Não podemos partir de tão longe aos domingos, porque é um risco que não podemos continuar a assumir. Temos de melhorar o nosso trabalho às sextas-feiras e aos sábados para chegarmos aos domingos da forma mais preparada possível”, afirmou o piloto português sublinhando que “assen é muito mais estreito e muito fluído em comparação com os circuitos mais recentes em que estivemos, mas temos muito boas recordações deste circuito o ano passado na nossa primeira vez com a KTM. Foi lá que lutámos pela vitória pela primeira vez, mas no final estávamos na parte de trás do grupo principal. Espero poder voltar ao pódio e conseguir tantos pontos quanto possível para a classificação geral”.

A oitava corrida de Moto2 de 2018, que terá mais de 24 voltas, vai ter início no domingo, 1 de julho, às 11h20, hora de Portugal Continental.

Comentários

comentários

Pub

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub