Cultura

Mais público no Centro Português de Fotografia

Instalado no edifício da antiga Cadeia da Relação, no Porto, desde 1997, o Centro Português de Fotografia recebeu mais de 50 mil visitantes em 2010, um número recorde para a instituição. Este ano, a cidade Invicta será o tema principal das exposições
Versão para impressão
Instalado no edifício da antiga Cadeia da Relação, no Porto, desde 1997, o Centro Português de Fotografia recebeu mais de 50 mil visitantes em 2010, um número recorde para a instituição. Este ano, a cidade Invicta será o tema principal das exposições.

O diretor do CPF, Bernardino Castro, acredita que a mostra “Resistência. Da Alternativa Republicana à Luta contra a Ditadura” terá sido o principal motivo que levou 52.203 pessoas – quase o dobro do ano anterior – a visitarem o espaço. 

“O sucesso deve-se, essencialmente, à adequação do conteúdo expositivo aos programas curriculares das escolas. É uma exposição de grandes dimensões, baseada em imagens de arquivos, o que se enquadra na nossa missão atual”, explica ao semanário Sol.

O acervo do CPF abrange mais de sessenta fundos e coleções. Várias imagens são disponibilizadas para exposições externas, nomeadamente as da Coleção Nacional de Fotografia.

A cidade do Porto na visão de Inês d’Orey e de Aurélio da Paz dos Reis (pioneiro do cinema português, em 1896) dará origem a uma exposição que será inaugurada a 12 de março. O Hospital de S. João e o Vale do Douro também merecerão destaque.

De terça a sexta feira, o CPF organiza visitas guiadas gratuitas, para que o público possa apreciar, com maior detalhe, a coleção da instituição. Saiba mais em http://cpf.pt.

Comentários

comentários

Pub

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub