Ambiente

Lisboa proíbe veículos poluentes na baixa

Os veículos poluentes deixarão a partir do próximo verão de poder circular no eixo Avenida da Liberdade - Baixa, conforme medida anunciada pelo vereador da Mobilidade da Câmara Municipal de Lisboa, Nunes da Silva. As únicas exceções serão feita
Versão para impressão
Os veículos poluentes deixarão a partir do próximo verão de poder circular no eixo Avenida da Liberdade – Baixa, conforme medida anunciada pelo vereador da Mobilidade da Câmara Municipal de Lisboa, Nunes da Silva. As únicas exceções serão feitas aos carros dos residentes e aos veículos de emergência.

O mesmo responsável, citado pelo Público, explicou que com esta norma pretende-se que Lisboa passe a cumprir as normas europeias de poluição atmosférica. Desta forma, os veículos que não tenham motores pelo menos de categoria Euro I, relativa à emissão de partículas, só poderão circular no eixo Avenida da Liberdade – Baixa ao fim-de-semana.

“Nem sequer sabia que ainda havia carros destes a circularem”, reage questionado pelo jornal Público, o presidente do Automóvel Clube de Portugal, Carlos Barbosa, que apoia a medida. “Serão sobretudo táxis e carrinhas de distribuição muito velhinhas a serem afetadas”.

Segundo o vereador Nunes da Silva, metade da poluição que existe no eixo Avenida da Liberdade-Baixa é produzida por este tipo de veículos que não possuem catalisador, peça que faz o tratamento das emissões poluentes.

O controlo das entradas na Baixa deverá ser feito através de operações stop, embora mais tarde possa ser criado um sistema de “selos verdes” para os carros.

Em 2011, o autarca espera afirmou ainda que a CM prevê gastar 7,5 milhões de euros a tapar mais buracos e a pavimentar mais ruas na capital, e mais milhão e meio de euros para reparar canalizações no subsolo.

[Notícia sugerida pelo utilizador Vítor Fernandes]

Comentários

comentários

Pub

Aid Global

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub