Mundo

Idoso recebe carta que deixou à namorada há 70 anos

Bill Moore, um veterano da II Guerra Mundial, recebeu de volta, poucos dias antes do S. Valentim, uma carta que tinha escrito há 70 anos à sua namorada da época, que se tornou sua mulher.
Versão para impressão
Bill Moore, um veterano norte-americano da II Guerra Mundial, recebeu de volta, poucos dias antes do S. Valentim, uma carta que tinha escrito há 70 anos à sua namorada da época, que se tornou sua mulher. A carta estava dentro de um disco de vinil que foi vendido e o comprador conseguiu devolver o documento ao idoso.

Bill e Bernadean conheceram-se quando o ex-militar estava de licença. Algum tempo depois, e já de volta à vida militar, o idoso escreveu uma carta de amor à sua namorada, com quem casou dois anos depois, em 1947.


O casal Bill Moore e Bernadean durante a juventude

Recentemente, essa carta foi encontrada junto a um disco que tinha sido posto à venda numa loja de artigos em segunda mão.

A pessoa que comprou o disco, uma mulher residente em Westminster, no Reino Unido, acabou por conseguir contactar a filha de Bill e Bernardean, que por sua vez entregou o manuscrito ao pai, atualmente com 90 anos e a viver num lar no Colorado, nos Estados Unidos.

O casal esteve casado durante 63 anos, até à morte de Bernadean, em 2010. O idoso, que hoje em dia vive num lar do Colorado (EUA), ficou profundamente comovido ao reler a carta, como mostra uma reportagem do canal ABC.

“Minha querida, amorosa e sedutora Bernadean” é a primeira frase desta carta, que prosegue dizendo: “Não tenho mais adjetivos para te descrever. És tão amorosa e querida e às vezes pergunto-me como é possível ter-te a meu lado. Sou o homem mais sortudo do mundo, e tu o sabes, Bernadean. Até o teu nome me soa amoroso”.

Notícia sugerida por Maria Nova

Comentários

comentários

BN TV

O Boas Notícias está de volta!

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório