Sociedade

Hipers ao domingo criam 2 mil postos de trabalho

A abertura das grandes superfícies ao domingo até à meia-noite irá potenciar a criação de dois mil postos de trabalho diretos e muitos outros indiretos, conforme garantiu o secretário de Estado do Comércio, Fernando Serrasqueiro.
Versão para impressão
A abertura das grandes superfícies ao domingo até à meia-noite irá potenciar a criação de dois mil postos de trabalho diretos e muitos outros indiretos, conforme garantiu o secretário de Estado do Comércio, Fernando Serrasqueiro.

A decisão foi aprovada esta semana pelo conselho de ministros. As grandes superfícies com mais de dois mil metros quadrados podem agora funcionar todos os dias das 6 horas às 24 horas.

O decreto-lei irá manter a possibilidade das Câmaras Municipais locais “em casos devidamente justificados, alargarem ou restringirem” os limites dos horários.

O ministro da Economia, Vieira da Silva defendeu em conferência de imprensa depois da reunião do Conselho de Ministros que “já não faz sentido manter os hipermercados num regime legal de exceção” quanto aos horários.

Quanto ao impacto que a medida vai ter em termos práticos para a economia real, Serrasqueiro considerou que vai ser “praticamente residual”.

Todas as lojas estão abertas ao domingo exceto um número muito reduzido, cerca de 50 na área alimentar e um bocadinho mais na não alimentar”, afirmou em declarações à Lusa.
O secretário de Estado recordou que “em todos os locais onde há lojas que fecham há ao lado lojas que estão abertas todo o dia”.

“Isto também criava problemas de concorrência, que eles próprios vinham denunciando. Construía-se um espaço de 1999 metros quadrados e com isso estava-se aberto todo o dia. Ao lado estava outro de 2001 metros quadrados e já não podia abrir”, concluiu.

A UGT repudiou entretanto esta decisão de alargar o horário de funcionamento dos hipermercados por considerar que irá penalizar os trabalhadores do setor.Também a Igreja Católica se mostrou contra esta decisão por ir contra os valores familiares.

Comentários

comentários

Etiquetas

BN TV

O Boas Notícias está de volta!

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório